Skip to main content

Ter um bichinho de estimação é muito bom e faz muito bem aos donos, que por muitas vezes integram o animalzinho à família. O Brasil é o 3º país com maior número de animais domésticos. Desse modo, não é estranho que seja uma tendência crescente o surgimento do conceito de condomínio pet friendly aplicado cada vez mais à prática.

Se você é síndico ou administrador de condomínios, vale a pena conferir o que preparamos para você tornar o seu condomínio pet friendly também! Serviços de conveniência, informação e cuidados com os bichinhos de estimação são alguns dos itens na lista. Prepare papel e caneta para registrar o que pode ser feito onde você mora!

Orientação para os condôminos

O primeiro passo para tornar um condomínio pet friendly é a concordância e a compreensão de todos os condôminos, dos que possuem aos que não possuem um animal doméstico. Sem o diálogo, a troca e os acordos claros, qualquer avanço feito em prol dos bichos pode não ir para a frente e quem adquirir um depois deles pode se ver sem alternativas.

As reuniões de condomínio e assembleias são o momento ideal para colocar o tema em pauta seriamente. E uma vez que mudanças sejam feitas, um trabalho educativo deve ocorrer frequentemente para que as melhorias sejam assimiladas por todos que moram nesse novo condomínio pet friendly. Sem educação, não haverá respeito. E o respeito é o segredo aqui!

Spa para pets

Um dos recursos para tornar um condomínio pet friendly é a criação de um spa para pets. Aqui vale tanto um serviço especializado com maquinário e funcionários para a realização da limpeza, quanto um espaço aberto destinado à limpeza dos bichos.

Com essa simples medida, o seu condomínio pet friendly vira realidade e você estará oportunizando aos donos uma chance de fazer a limpeza depois de um passeio. Dessa forma, os animais não irão sujar as dependências e você evita que os pelos deles entupam e danifiquem o encanamento dos apartamentos.

Espaço dedicado à corrida dos pets

Por mais comportados que sejam os bichinhos de estimação, eles são seres da natureza e precisam gastar sua energia de alguma forma. Num condomínio pet friendly, uma área destinada apenas para os animais domésticos correrem, eles conseguem extravasar toda essa força que eles guardam dentro de si. 

Ao invés de eles ficarem correndo para cima e para baixo dentro do apartamento, deixando os donos desnorteados e incomodando os vizinhos do andar de baixo, um condomínio pet friendly garante que os pets consigam se expressar sem serem recriminados por isso!

Áreas comuns que permitam pets

Não é porque você possui um animal doméstico que não pode usufruir dos ambientes de onde você mora. Ter um condomínio pet friendly é garantir que os donos de bichos de estimação possam transitar e socializar com os outros condôminos dentro das dependências do condomínio.

Além de garantir que o morador que possui um pet não se sinta excluído, a permissão de circulação de pets entre os moradores de um condomínio pet friendly, com a supervisão do dono, facilitará a compreensão de quem não tem um bichinho das necessidades dos animais. De novo, a informação é fundamental para a paz entre os vizinhos!

Se você gostou desse conteúdo, acompanhe o nosso blog clicando aqui! Temos várias outras dicas e temas interessantes sobre imóveis, condomínios e decoração. E siga nossas redes sociais para mais informações e novidades!

WeCreativez WhatsApp Support
Estamos aqui para responder suas questões.
👋 Ola! Como posso lhe ajudar?